Gestão Financeira: o alicerce da sua empresa!

Gestão Financeira: o alicerce da sua empresa!

A gestão financeira é a base de qualquer negócio, e administrá-la pode não ser muito fácil. 

Independente da empresa, é preciso ter uma boa qualidade e investimento na sua gestão, para que ela ocorra de forma simples e eficaz, nesse texto iremos abordar tudo que você precisa saber para que isso aconteça!

 

O que é gestão financeira?

 

A gestão financeira é um composto de ações, métodos e processos administrativos que envolvem a análise, o planejamento e o controle das atividades financeiras de uma organização. 

É o caminho certeiro que as empresas tomam para crescer e ganhar mais dinheiro, já que se refere a investimentos, despesas fixas e variáveis, lucros, empréstimos, financiamentos e valor patrimonial da empresa.

É a partir dela que é possível fornecer as práticas e os recursos para que os profissionais especializados analisem cenários e tracem metas, prazos e acompanhem os resultados corporativos. 

Essas ações calculadas e estrategicamente desenvolvidas são vitais para que uma organização obtenha bons resultados e também a forma que usa seus recursos.


Funções da gestão financeira

 

A gestão financeira serve para fazer toda a análise dos indicadores financeiros e manter os gastos de uma empresa equilibrados em relação aos seus ganhos, possibilitando que ela opere de forma lucrativa.

A partir dela é possível arquitetar quanto pode ser investido em novas áreas, equipamentos e softwares para que um negócio opere no azul, favorecendo sua saúde financeira e possibilitando o crescimento.

Para que tudo isso aconteça, o processo organizacional financeiro é dividido em quatro pilares, são eles:

Planejar quais resultados devem ser alcançados, avaliando como as metas serão realizadas, levando em conta cenários adversos.

Controlar de forma concisa as operações, desenvolvendo ações de correção de forma ágil, evitando erros ou retrabalhos.

Analisar dados para melhorar processos, buscando oportunidades para otimizar as entregas.

Investir em ativos, contratações, aquisições, entre outras operações.

 

Como ter uma gestão financeira eficaz?

 

Melhorar a gestão financeira é um objetivo em comum de várias empresas. Para obter resultados práticos, é preciso ações assertivas. Aqui vão algumas dicas para que isso aconteça: 

 

Gerencie seu fluxo de caixa

 

O controle do fluxo de caixa tem um papel fundamental dentro do processo de uma gestão financeira eficaz, com ele é possível fazer um controle financeiro mais eficiente, podendo emitir relatórios com informações precisas — as quais são de extrema importância na tomada de decisões das empresas.

A gestão de fluxo de caixa vai permitir que sua empresa preveja, planeje e controle as entradas e saídas. Identificando o quanto a empresa tem disponível para realizar novos investimentos e se as dívidas não ultrapassam as receitas.

 

Controle dos custos

 

É preciso entender que os custos são um dos fatores que lhe dará maior precisão ao precificar seus produtos ou serviços. Basta monitorar suas movimentações, agir rapidamente em casos extrapolados, mapear a origem, e manter atualizados sempre para que o controle seja eficiente.

Porém existem custos que podem ser considerados como custos improdutivos, pois só geram despesas desnecessárias para o seu negócio. É preciso fazer uma análise de todas as despesas para verificar onde os excessos se encontram, e assim, verificar a possibilidade de eliminá-los.

 

Use a tecnologia

 

Ao automatizar processos, o desempenho da empresa fica melhor, pois os colaboradores terão mais disponibilidade para trabalhar naquilo que realmente traz um retorno positivo para o seu negócio.

Ao eliminar os processos manuais, os erros na emissão de dados vão diminuir, e assim é possível padronizar processos e oferecer uma melhor experiência para seus clientes e a sua empresa têm ganhos de eficiência na operação e na gestão do negócio.

 

Erros na gestão financeira de uma empresa

 

Ao conhecer os erros mais comuns, você consegue evitar que eles ocorram no seu caminho, fazendo com que sua gestão financeira não perca o controle do dinheiro. 

Os principais erros são: 

 

Má gestão sobre o estoque

 

Empresas que trabalham com estoque devem prestar atenção ao seu armazenamento, isso porque sem o controle dos produtos, a empresa pode estar investindo capital desnecessariamente em produtos com baixa saída. 

Além de que sem um controle inteligente, pode deixar de repor um produto importante e perder venda. Criando um desequilíbrio nas vendas e descontrole financeiro.

 

Misturar finanças

 

Um dos maiores erros na gestão financeira é misturar a conta pessoal com a empresarial, pois o fluxo de caixa fica comprometido, afetando o investimento em despesas estratégicas. Para evitar essa situação é importante definir um pró-labore a ser recebido ao fim de todo mês e que seja respeitado mesmo em caso de emergências pessoais.

 

Ignorar o capital de giro

 

Por se tratar de um recurso a curto prazo, ele pode ser utilizado para despesas indispensáveis, como salários, insumos e gastos pontuais, como água e luz.

Além disso, com ele é possível investir em atividades que mais impactam nos seus resultados. 

Para conservar o capital de giro, faça negociações mais condizentes com suas necessidades financeiras e não foque somente em pagamentos a médio e longo prazo.

 

Falta de ferramentas

 

Se uma empresa não investe em ferramentas para sua gestão, em algum momento vai estar sujeita a erros e desorganização.

Porém com o Bankmanager todos esses problemas podem ser solucionados, além do controle dos recebimentos de pagamentos, cobrança e extratos, tudo isso em uma única plataforma, independentemente da quantidade de bancos ou cnpjs que sua empresa tiver!

Quer ter uma gestão financeira capacitada? Clique aqui e contrate nossa plataforma!